3 de set de 2010

Contra o conservadorismo das elites mineiras, tão presente hoje no arranjo oligárquico que nos tira a opção de votarmos para o governo do Estado, também disparou o magnífico e quase desconhecido escritor mineiro , Lúcio Cardoso:

“Meu inimigo é Minas Gerais.
O punhal que eu levanto, com a aprovação ou não de quem quer que seja é contra Minas Gerais. Que me entendam bem: contra a família mineira. Contra a literatura mineira. Contra o jesuitismo mineiro. Contra a religião mineira. Contra a concepção de vida mineira. Contra a fábula mineira. Contra o espírito judaico e bancário que assola Minas Gerais. Enfim, contra Minas, na sua carne e no seu espírito.” LÚCIO CARDOSO (1913-1968)

Um comentário:

  1. Escândalo, no reino da hipocrisia!
    Sem licenças ou imprimatur...
    Grande, Lúcio Cardoso!!!

    ResponderExcluir