29 de jan de 2010



Dubai derrete capitalista e sórdida
como o gelo no deserto da sua geografia.
Babilônia coberta com a vergonha
das muitas tribos que ergueram suas muralhas
de passaportes, aviões e hotéis .
A destruição de tudo que é sólido
ameaça de verdade e lança um bafo quente
de morte sobre os mares.
A fúria desperta dos Titãs
cairá sobre as tolas criaturas,
que sequer entendem como acionaram
a máquina do mundo.
Gaia vê seus filhos
perdidos nos labirintos de si mesmo,
prisioneiros dos desejos ilimitados pelas mercadorias
e eles atiram-se como cães famintos sobre sua pobre carne.
A vida não segue mais o curso dos rios
roubados para produzir a energia
que move a vida virtual
construída para justificar as horas.
A borboleta que bateu asas em Dubai atingiu o Haiti.
E a miséria explodiu em terremotos de corpos, todos negros.
Enquanto isso no alto da torre de poder, o presidente quase preto
ordenou o genocídio: foi preciso esperar três dias para mandar seus soldados ocuparem.
Tempo necessário para que os que estavam sob os escombros
morressem de sede.
Tempo necessário para não fingir socorro e virar ocupação militar.
Os ciborgs tomaram a cidade destruída
e apontam agora os olhos de rapina para as vizinhas Cuba e Venezuela
enquanto os lamentos dos que cantam seus mortos
evocam os deuses antigos
que parecem não ouvir mais vozes tão fracas:
"Reze pelo Haiti".       

2 comentários:

  1. "moderada é a concentração do meu espírito quando pensa por exemplo, nos desastres naturais, ou o quanto esses desastres possam ser artificiais, causados pela ação desconcentrada de uma humanidade com atitudes parasitas e dominadoras, onde por exemplo a séculos, ou talvez menos q isso, dominado por um orgasmo visual o homem resolve colonizar todos os lugares belos acessíveis, mas é óbvio...
    há de se respeitar, o limite é nossa geo-filosofia e a evolução científica,além dos magnetismos de um mundo capitalista onde o mais alto, mais belo, mais exclusivo, mais legal, enfim...e esquecemos que no nosso planeta tudo tem limite, até por um instante enquanto sentimos por uma notícia, aí bate uma ressaca moral... "





    texto retirado do site

    www.studiobabilonia.blogspot.com


    koé margô é nóis uhuuuuuuu...

    ResponderExcluir
  2. alias
    belas fotos
    arte
    www.myspace.com/studiobabilonia2

    ResponderExcluir